Quem Somos Contato
Quadrilha é presa acusada de tráfico de drogas e da morte de 20 pessoas no Pr
por  |  08/08/2009 às 14h05m   |   163 visualizações

Cinco homens acusados de integrar uma quadrilha de tráfico de drogas foram presos, nesta sexta-feira (7), em dois bairros de Curitiba. O grupo também é suspeito de matar 20 pessoas na capital e região metropolitana.

 Com os detidos, a polícia apreendeu cinco pistolas, dois revólveres, uma garrucha, munição, dois automóveis, uma moto, placas frias, máscaras, 14 celulares e coletes à prova de bala.

De acordo com a polícia, a quadrilha seria responsável por distribuir crack em Araucária (região metropolitana) e nos bairros Campo Comprido, São Braz, Tatuquara e Sítio Cercado, em Curitiba.

As investigações apontam que a quadrilha matava outros traficantes para ocupar pontos de venda de drogas.

Dependentes que não conseguiam quitar dívidas também eram eliminados, segundo a polícia.As prisões foram feitas por policiais do Núcleo da Região Metropolitana da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), em parceria com a Delegacia de Homicídios.

 "A maioria dos homicídios tem ligação direta com o tráfico de drogas", afirmou o delegado Renato Bastos Figueiroa, da Denarc, à Agência Estadual de Notícias (AEN).

Prisões O grupo era investigado desde abril. "Esses criminosos são muito violentos e responsáveis por pelo menos 20 homicídios que estão sendo investigados", disse o delegado que comandou as investigações, Kleudson Moreira Tavares. Por volta das 8 horas, foram presos Jhonatan Lhanio Simões, de 20 anos, e Paulo Ricardo Jose Rodrigues Pires, 22, no bairro Fazendinha. A dupla reagiu e trocou tiros com a polícia.

 Os dois se renderam depois que Simões foi baleado. Com ele, foram apreendidas duas pistolas calibre 9 milímetros e uma ponto 40. Ainda durante a manhã, o delegado pediu apoio para a Companhia de Choque da Polícia Militar (PM) para cercar uma casa no bairro Tatuquara, onde estariam os outros integrantes da quadrilha.

No local foram presos Martinho Souza Franco, 30 anos, Jackson Xavier, 21, e Martinho Souza Franco, 21. Na residência foram encontradas duas pistolas calibre 380, dois revólveres calibre 38, uma garrucha calibre 45, munição, máscaras, uma motocicleta, um automóvel e celulares. OAS_AD('Middle');

 

 

 

 

Gazeta do Povo

por



veja também
Tentativa de fuga cinematográfica por pouco não acaba em tragédia em Cambará
Comprou cobra pelo Sedex, mas quem entregou foi a polícia
Jacarezinho: PM apreende crack na Vila Silas

"Deus nos concede, a cada dia, uma página de vida nova no livro do tempo. Aquilo que colocarmos nela, corre por nossa conta."
( Emmanuel )
Página Principal | Todas as Notícias | Galeria de Fotos | Quem Somos | Fale Conosco
    2004-2014 © TaNaCidade.com - Todos os direitos reservados